quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Ou 8 ou 80

Amanhã tenho hora marcada no cabeleireiro.
A ideia é cortar o cabelo. Curto. Mesmo curto.

Claro que me posso sempre acagaçar e chegar lá e.... "era só para cortar as pontinhas... por favor....".

Quem me levou a esta encruzilhada foi.... o Vicente.
Depois da gravidez o meu cabelo ficou uma treta, ando sempre com ele apanhado por causa dos dolorosos puxões de cabelo e tenho sempre que o lavar a correr...

Mas eu vejo muitos filmes.
E também leio muitos livros.
E é muito mais bonito um dia, depois de eu já ter batido as botas, o Vicente, ao falar de mim, dizer: "a minha mãe tinha cabelos longos, ondulados, macios e perfumados". Mesmo estando eles ásperos, espigados, sem brilho e a cheirar a shampoo de coco do supermercado.

Mas mesmo assim é muito mais giro do que dizer: "A minha mãe tinha cabelos.... curtos".

Tenho 24 horas para pensar.

15 comentários:

Paula disse...

Grande dilema. Pelo menos para mim seria. Eu não tenho coragem para cortar muito os meus cabelos que também são cada vez são menos bem tratados.
Mas o que te posso dizer é que eles voltam a crescer e se calhar mais saudáveis e vais ser a mãe gira para o Vicente de qualquer das formas.

Mãe da Tiz disse...

Só te posso dizer que sou apaixonada por cabelos compridos!
Os meus andam sempre apanhados, mesmo antes da Tiz nascer já assim era... mas não me imagino de outra forma ;)

Beijos***

Cantinho da Olguita disse...

Olá!!Também sofro desse dilema :S^...e ja ando ha 2 semanas p marcar o cabeleireiro...
beijinhos

Um pedaço de azul... um BloGui diferente disse...

Ideia romantica da situação...
mesmo assim, eu pensava duas vezes...
destes 30 anitos que já cá moram nunca me atrevi...
a primeira vez que fui sozinha ao cabeleireiro, em criança, a minha mãe ligou para lá e pediu "Corte curto, se faz favor..." e quando lá cheguei eu disse: "Só as pontas, sim???". A cabeleireira, obediente, disse que sim, virou a cadeira contra o espelho e fez o que a minha mãe lhe ordenou... Só não lhe bati porque tinha respeitinho... gggrrrrrrrr :-(
beijos

Lipa disse...

Então cá estamos esperando pela tua decisão. Beijitos!

Sofia disse...

LOOOL
Se te ajuda, relato-te a minha experiência.
O meu cabelo está normalmente pelo meio das costas. Mas quando era teenager dava-me pela cintura...Ora, estando eu farta de parecer um membro da Kelly Family, toca de chegar ao cabelereiro e cortar curto...Nunca me arrependi tanto de fazer uma coisa como de o cortar asim curtinho, pois as minhas feições (nariz, abanos) são grandes e não me favorecia mesmo nada...
Depois de ter o Miguel tinha a trunfa buéda grande outra vez e vai de cortar pelos ombros. Ficou giro, não dá para apanhar em rabo de cavalo, mas favorece mais que o curto.
Bjinhos

Dom Fuas Roupinho disse...

Ola Rachel,

Eu lembro-me quando tinhas o cabelo curto e ficava-te muito bem. Ficas diferente, mas eu gostava. Alem disso o cabelo cresce, ou seja, o Vicente podera dizer que a mae dele tinha os cabelos curtos e os cabelos compridos, dependendo da epoca.
Eu tambem cortei o cabelo muito curto ha anos. Quando vejo fotografias acho que ate me ficava bem, mas lembro-me de nao gostar e de me dar um trabalhao.

O meu cabelo tambem ja viu melhores dias... Por isso aqui ha umas semanas cortei-o por cima dos ombros (estava bastante por baixo, compridissimo pelos meus standards) e gosto.

Margarida disse...

Olá mamã, ando sempre por cá mas hoje deixo o meu 1.º comment. Eu farto-me muitas vezes da imagem que vejo ao espelho todos os dias. Sou tipo camaleão, ora estou loira ora estou às madeixas ora estou ruiva, como agora. O tamanho anda sempre mais ou menos ela por ela (1 pouco abaixo do ombro) mas o tipo de corte tem sempre que mudar.. A última vez que lá fui, há 1 mês perguntei à minha cabeleireira: "achas que me ficava bem franja?" Responde ela: "acho que sim". "ok, corta!". Pronto, 21 anos depois volto a ter franja.. E olha que gostei bastante. Por isso, sem medos!
**

Márcia Gomes disse...

ahahahha. não consigo ler os teus textos sem mostrar os dentes...são sempre o maximo. vc daria uma otima redatora para programas humoristicos.
sobre o cabelo, aconselho vivamente.tambem estava com o cabelo comprido, ondulado e tal. Porem tudo estava certo enquando meu filhote não descobria que era uma delicia puxar o cabelo da mae para dormir...Por isso nao aguentei mais tantos puxoes nos cabelos e deixei o bem curto, não rente a cabeça, mas daqueles que lavou, secou com a toalha, chacoalhou a cabeça e já tá...rsrsr. e o melhor nem rpecisa pentear no dia seguinte, é so passar os dedos por eles e ja foi...rsrsr. economizamos muito tempo em nao precisar passar uma cachoeira de agua para enchaguar e outros bons minutos para pentear, fazendo as contas todos os dias,,,é imenso tempo.ahahhaa
grande beijinho e coragem. depois mostra o resultado

mãe pimpolha disse...

Os meus tb estão uma porcaria, mas qd for cortar vai ser só mesmo as pontas, não tenho coragem para mais. LOL
Beijocas

Gasparzinha disse...

Eu já tive o cabelo pelo meio das costas e decidi mudar radicalmente à uns, poucos, anos atrás e n estou nada arrempida, pois tb posso usa-lo de várias formas: todo puxado p trás com gel, espetado atrás, à frente tipo "lambidela de vaca", etc e e depois como estou sempre a cortar cada vez esta mais forte, e qd a minha filha me recordar poderá dizer: a minha mãe tinha cabelo curto, mas super fashion, ultra moderno, macio e saudável.
Beijinhos

Anónimo disse...

no, no, no... grande error... por lo menos para mi fue asi .... por las mismas razones q comentas me lo corte y fue muchisimo peor arreglarlo y mantenerlo bonito... si no se tiene mucho tiempo para lavarlo estando longo, corto hay q secarlo con mas cuidado y no hay manera de recogerlo para disimular... piensalo bien...:)

Isa disse...

Acho que todas passamos o mesmo! Eu nao tenho tido coragem! Prefiro levar com os puxoes.... mas Graças a DEus pelo menos o cabelo é sempre elogiado e nunca se estraga... alguma coisa tinha de ser!

bjs

MareSol disse...

Bem! nem sei o que diga!
Acho que deves optar por um daqueles cortes super chiques,mas que na practica não se nota absolutamente nada...hein!!!!
LOL
Beijos

Maria José disse...

Entaõ o que decides-te????
Eu sempre adorei cabelos compridos, mas tu é quem sabes
bjokas